EXAGEREI NAS FESTAS DE FIM DE ANO, E AGORA? DIETA PÓS-FESTAS

download (1)

Fim de ano, mesa farta, reunião com a família e amigos, petiscos, sobremesas, comidas e mais comidas… exagerou? E agora? Vem o verdadeiro desafio para a manutenção da dieta que seguiu o ano todo – ou uma parte dele. Cá entre nós: é difícil resistir alguns pratos e sobremesas principalmente nesse período que tem as delícias ceias de Natal e Réveillon! Mas não deixe que isso atrapalhe a sua festa. Trago aqui algumas dicas para equilibrar a alimentação após a virada.

CHÁS

Os chás à base da Camellia sinensis e de Hibiscus, cada vez mais apontados como os grandes aliados da boa forma, saúde, qualidade de vida e equilíbrio, continuam sendo uma ótima alternativa para consumo diário. Os famosos chás verde, branco, vermelho, amarelo e de Hibiscus, além de serem excelentes opções para eliminar os quilinhos extras, pois promove a aceleração do metabolismo, tem ação antioxidante, diurética e ainda garantem muita disposição e energia. Recomendado 500 ml por dia.

O chá de Hibiscus é rico em antocianinas e os chás derivados da Camellia sinensis são fontes de polifenóis conhecidos como catequinas, substâncias que apresentam um poder antioxidante superior ao das vitaminas C e E. Estudos recentes comprovam que a ingestão diária dessas bebidas é capaz de reduzir o risco de várias doenças, além de facilitar a queima de gordura, aumentar as defesas imunológicas e ajudar no retardo do processo de envelhecimento da pele.

cha-de-hibisco2 cha-verde-combate-cancer

Mas não adianta investir só no chazinho. A alimentação pós-festas também deve ser controlada. Para retomar o ritmo do dia a dia, o mais indicado é consumir alimentos de fácil digestão como saladas, frutas, carnes magras e legumes. É importante, também, incluir nas refeições fibras como aveia, soja, germe de trigo, castanha de caju e gergelim. As fibras facilitam a digestão e ainda auxiliam na sensação de saciedade. São grandes aliadas, ainda, na prevenção de doenças crônicas.

prato_colorido

 

A farinha de linhaça dourada é outro alimento que deve ser adicionado às refeições, pois traz diversos benefícios à saúde. Sua concentração de fibras, ácidos graxos dos tipos ômega 3, 6 e 9, antioxidantes e lignanas (fitoquímicos capazes de modular os hormônios femininos) proporciona um melhor funcionamento do intestino, ajuda a reduzir os níveis de colesterol e promove saciedade, controlando a fome. A redução do apetite ocorre porque as fibras presentes na farinha de linhaça dourada estimulam a mastigação, atrasam o esvaziamento gástrico e estimulam a produção do hormônio colecistoquinina, responsável pelo controle da fome.

farinha-de-linhaça-dourada-semente

Precisa de ajuda para uma dieta completa? Agende a sua consulta!

Nutricionista Jaqueline S. S. Souza